• Vandinho

Ação prende mais de 80 suspeitos no interior da Bahia


A 3ª fase da Operação Unum Corpus, deflagrada pelo Departamento de Polícia do Interior (Depin), nesta sexta-feira, 10, terminou com o cumprimento de 187 mandados de prisão, busca e apreensão, além de 14 flagrantes, em diversos municípios do interior da Bahia. Deste total, 88 pessoas foram presas.


Segundo a Polícia Civil, as equipes cumpriram 74 mandados de prisão e efetuaram 14 flagrantes. Das 88 pessoas presas, 59 são envolvidas com o tráfico de drogas. Também foram capturados 12 autores de violência doméstica e mais 12 por Crimes Violentos Letais Intencionais (CVLI’s), categoria que abrange homicídios, latrocínios e lesão corporal seguida de morte e quatro por crimes contra o patrimônio.


Entre os flagrantes, um homem foi autuado após espancar e enterrar a companheira viva, em Itabuna. A mulher estava desaparecida desde 29 de novembro, e foi localizada em uma região de mata, dentro de uma cova rasa, amarrada e com uma pancada na cabeça. Ela ainda apresentava sinais de desidratação e de confusão mental.


Ainda de acordo com a polícia, na ação foram apreendidas 12 armas de fogo e nove quilos e meio de drogas, além da quantia de R$ 15.915 vinda do tráfico de drogas. Policiais civis das 26 Coordenadorias Regionais de Polícia do Interior (Coorpins) participaram da operação.


A diretora do Depin, delegada Rogéria Araújo, destaca a integração das equipes. “Mais uma vez delegados, escrivães e investigadores mostraram a força da Polícia Civil da Bahia, com a integração de servidores de uma Instituição que gosta de cuidar da sociedade. Essa operação é intitulada Unum Corpus, justamente por isso, porque somos uma polícia unida pelo bem da população baiana”, pontuou, em nota.


A primeira fase da operação Unum Corpus foi deflagrada em setembro e a segunda em outubro deste ano. Conforme a polícia, mais de 280 pessoas foram presas nas três fases das ações. (ATarde)

14 visualizações0 comentário