• Vandinho

Após empate, Guto Ferreira exalta dedicação do Bahia contra o CSA: 'Merecia o triunfo'


Mesmo com um jogador a menos, o Bahia conseguiu arrancar um empate em 1 a 1 com o CSA na noite desta quarta-feira (16), na Arena Fonte Nova, pela Copa do Nordeste. Depois do jogo, o técnico Guto Ferreira dissecou a partida e valorizou a entrega dos seus jogadores dentro de campo. Para o comandante, o Esquadrão de Aço merecia sair de campo com os três pontos na conta.


"Começamos o jogo muito bem. A nossa situação de marcação estava bem, estávamos tomando a bola, estava faltando detalhes para entrar na defesa deles, finalizar em situação mais clara. E aí eles conseguem dar uma escapada, a gente recupera, mas perdemos a bola que gerou o escanteio. Foi um gol no momento em que a gente estava melhor que eles. No primeiro momento deu uma sentida, mas foi se reerguendo, buscando e tivemos duas a três chances claríssimas, duas com grandes defesas do Marcelo Carné. Nossa equipe estava envolvendo o adversário, eles jogando em contra-ataque... A gente passou confiança no intervalo e tivemos a infelicidade, no momento de pressionar, o goleiro fez um passe longo. Se ele domina, o Ignácio chega, mas ele raspou a bola. Posso estar errado, mas o Luiz Otávio ganha a frente do Rodrigo. E aí ele deixa de ser o último homem. Ele cai devido a uma trombada do Luiz Otávio com ele. Não sei se foi lance claro de expulsão. Mas nossa equipe não se entregou, Tive que colocar o Henrique, trocar para jogadores de força e velocidade. Tive que abrir mão do jogador mais criativo, que era o Daniel. Conseguimos, acho que com muita entrega, o empate e lances que poderiam dar o triunfo. Em suma, por tudo que fizemos, a gente lamenta o empate. A gente aceita e sai contente pela dedicação. A gente merecia o triunfo", disse.


Hugo Rodallega, mais uma vez, foi destaque ao marcar um golaço. Guto não poupou elogios ao colombiano e comentou a lesão que ele sentiu após balançar a rede.


"Desde o ano passado a gente já sabia que ele assumiria o protagonismo. É um jogador de Premier League, gente. Não é qualquer jogador. É um jogador espetacular dentro do grupo, só puxa para cima, trabalhador. Isso que vocês estão vendo não é só talento, é muito trabalho diariamente com os seus 36 anos. É um exemplo dentro do grupo, positivo o tempo todo. A gente se preocupou muito achando que foi muscular, mas foi lesão no tornozelo, meio que uma entorse. Mais do que isso eu não sei. O departamento médico vai avaliar e passar para gente", explicou.


Com sete pontos e no terceiro lugar do Grupo B, o Bahia volta a jogar no próximo sábado (19), às 17h45, contra o Fortaleza na Arena Castelão. BN.

0 visualização0 comentário