• Vandinho

Com perícia em falta, 85 mil pessoas podem ter benefício do INSS suspenso


Após o pente-fino do INSS (Instituto Nacional do Seguro Social), cerca de 85 mil pessoas podem perder o benefício por incapacidade temporária (antigo auxílio-doença) por falta de atualização dos seus respectivos casos.


O órgão deu prazo até esta quinta-feira (11) para que os convocados para verificar possíveis irregularidades agendem uma nova data para perícia, mas muitos ainda não buscaram o instituto.


Em setembro, quando o INSS convocou mais de 95,5 mil segurados, somente 10,3 mil marcaram o agendamento para realizar o exame de lá para cá. Os demais estão passíveis de perder o benefício por não passarem por nova perícia. Folhapress.

4 visualizações0 comentário